SUPREMA | Faculdade de CiÊncias MÉdicas e da SaÚde de Juiz de Fora - FCMS/JF 

A Faculdade

Mantenedora

Gestão de Qualidade e 5S

O Sistema de Gestão da Qualidade está alicerçado nos pilares fundamentais da Qualidade, segundo Donabedian (1990):


Eficácia: é a habilidade da ciência médica em oferecer melhorias na saúde e no bem-estar dos indivíduos.

Efetividade: é a relação entre o benefício real oferecido pela assistência e o resultado potencial, representado por estudos epidemiológicos e clínicos.

Eficiência: é a relação entre o benefício oferecido pela assistência médica e seu custo econômico.

Otimização: é o estabelecimento do ponto de equilíbrio relativo, em que o benefício é elevado ao máximo em relação ao seu custo econômico. É a tentativa de evitar benefícios marginais a custos inaceitáveis.

Aceitabilidade: é a adaptação dos cuidados médicos e da assistência à saúde às expectativas, desejos e valores dos pacientes e suas famílias. Este atributo é composto por 5 conceitos: acessibilidade, relação médico-paciente, amenidades, preferências do paciente quanto aos efeitos da assistência e preferências do paciente quanto aos custos da assistência.

Legitimidade: é a possibilidade de adaptar satisfatoriamente um serviço à comunidade ou à sociedade como um todo. Implica conformidade individual, satisfação e bem-estar da coletividade.

Equidade: é a determinação da adequada e justa distribuição dos serviços e benefícios para todos os membros da comunidade, população ou sociedade.

Para atender a estes pilares e manter a excelência dos serviços prestados, a Gestão da Qualidade trabalha em algumas dimensões, como Gerenciamento de Riscos, Auditorias Internas, Padronização de Protocolos, Procedimentos e Rotinas, Treinamentos, Gestão orientada por processos e acompanhamento de resultados.

 


 

Excelência e Acreditação

A Suprema, investe em um ambiente propício à Qualidade, buscando continuadamente introduzir metodologias e ferramentas que favoreçam a Cultura da Excelência e a Melhoria dos processos, que aumenta o valor agregado ao cliente. Os modelos de Acreditação Nacional validam o Sistema de Gestão instituído, que confere selo de excelência.

 


 

Prêmios e Certificações

 
A Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora – Suprema iniciou, em 2004, o processo de implantação do Sistema de Gestão da Qualidade com Bases no Programa 5S, em parceria com a empresa MFC Consultoria. O objetivo era direcionar os esforços para a visão da Qualidade, focalizada na ética nos negócios, na valorização do ser humano e no crescimento com sustentabilidade.

 

Este sistema permite que a Organização trabalhe com: práticas de gestão direcionadas ao Programa 5S, Sistema da Qualidade, Responsabilidade Socioambiental e Segurança, e Saúde Ocupacional, buscando atender às necessidades e às expectativas do cliente.

 

Uma vez inserida no sistema, a Instituição passa por uma evolução, desde a mudança da cultura e do ambiente organizacional até a implantação da Gestão Integrada da Qualidade.

 

A figura abaixo, retirada do Manual do Regulamento do Top Quality – Versão 2010:2011, demonstra com mais clareza este processo:

 


 

 

 


 

Cipa: Comissão Interna de Prevenção de Acidentes

Apresentação

 

A Cipa é a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, ou seja, voltada aos colaboradores, para prevenir acidentes no local de trabalho. É composta por representantes do empregador e dos empregados. Conforme a norma NR 5, todas as empresas privadas e publicas são obrigadas a organizar uma Cipa e mantê-la em funcionamento.

 

O objetivo da Comissão é prevenir acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador.

 


Atribuições

 

A Cipa terá por atribuições:


• identificar os riscos do processo de trabalho, e elaborar o mapa de riscos, com a participação dos colaboradores;
• participar da implementação e do controle da qualidade das medidas de prevenção e avaliação sobre os locais de trabalho;
• realizar periodicamente verificações nos ambientes e condições de trabalho, visando identificar situações que tragam riscos;
• realizar, avaliações sobre cumprimentos das metas fixadas em seu plano de trabalho (PCMSO, PPRA);
• divulgar aos trabalhadores informações relativas à sua saúde e segurança;
• divulgar e promover o cumprimento das normas regulamentadoras.

 

Sobre as reuniões da Cipa:


• a Cipa terá reuniões periódicas com a participação dos novos integrantes, de acordo com o calendário preestabelecido;
• as reuniões da Cipa serão realizadas durante o expediente normal da empresa e em local apropriado;
• as reuniões extraordinárias só serão realizadas quando houver denúncias de situação de risco grave e iminente, que determinem aplicação de medidas corretivas de emergência; ou quando ocorrer acidente de trabalho grave ou fatal;
• as decisões serão preferencialmente estabelecidas com o consenso de todos.

 


 

Calendário de Reuniões

 

As reuniões serão sempre realizadas às 14h, na Sala 202 bloco B.

20/01/2017

17/02/2017

24/03/2017

28/04/2017

19/05/2017

23/06/2017

21/07/2017

18/08/2017

22/09/2017

20/10/2017

17/11/2017

15/12/2017

 

 


 

Constituição

 

A Cipa será composta de representantes do empregador e dos empregados, de acordo com o dimensionamento previsto no quadro composto pela NR5. Os representantes dos empregados, titulares e suplentes, serão eleitos em escrutínio secreto, do qual participem, independentemente de filiação sindical, exclusivamente os empregados interessados.

O mandato doa membros eleitos da Cipa terá duração de dois anos, sendo permitida uma reeleição. É vedada a dispensa arbitrária ou sem justa causa do empregado eleito para o cargo de direção da Cipa, desde o registro de sua candidatura até dois anos após o final de seu mandato.

Serão garantidas aos membros da Cipa condições que não descaracterizem suas atividades normais na empresa, sendo vedada a transferência para outro estabelecimento sem sua ausência, ressalvado disposto parágrafos primeiro e segundo do art. 469, da CLT.

Composição da Cipa, Gestão 2015/2016:

Bruna Mendonça - Presidente;
Lorena Rabelo - Vice-Presidente;
Roberta Moreira - Secretária.

 

Membros Titulares:

Lorena Rabelo

Edson Marcelo

Maria Olivia ;

 

Membros Suplentes:

Myrelle Coutinho

Cristina Oliveira

Flávia Aparecida

Ronaldo Mota

Keyte Carvalho

Janeane Matos

Eliana Gonçalves

 


 

Objetivos

 

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - Cipa tem como objetivo a prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho com a prevenção da vida e a promoção da saúde do colaborador, sempre visando a sua integridade física e a integração de todos dentro da empresa.

 

 



(32) 2101.5000

Alameda Salvaterra, nº 200, Bairro Salvaterra, CEP 36.033-003 - Juiz de Fora MG

VEJA ABAIXO COMO CHEGAR